Insegurança alimentar aguda afectou 1,3 milhões de angolanos em 2023

24 Abril, 2024 14:08

Prevê-se que até 1,5 milhões de pessoas ou 5% da população enfrentem níveis elevados de insegurança alimentar aguda em 2024, sublinha o relatório elaborado pela FAO.

Leia a edição impressa

Receba a FORBES em sua casa, e desfrute de uma revista impressa em papel.

Leia no seu tablet ou smartphone

Descarregue a app disponível para o seu dispositivo móvel.
Prémio Angola Superbrands - Corporate